TUBEVISOR
10 destaques das melhores músicas de todos os tempos de 100 a 51

500-trofeu
10 DESTAQUES
DAS MELHORES MÚSICAS
de 100 a 51

100. Gnarls Barkley – Crazy
99. Creedence C. Revival – Fortune Son
96. U2 – I Still Haven’t Found What I’m…
91. Elvis Presley – Suspicious Minds
84. The Police – Every Breath You Take
83. The Beatles – Norwegian Wood
81. Marvin Gaye – I Heard It Through The Grapevine
76. The Beatles – Strawberry Fields Forever
75. Stevie Wonder – Superstition
66. Bob Marley – Redemption Song
58. Michael Jackson – Billie Jean

10 destaques das melhores músicas de todos os tempos (de 100 a 51)


Gnarls Barkley - Crazy - Um louco sucesso

Gnarls Barkley – Crazy

100º

GNARLS BARKLEY

Crazy

Quem procura pelo cantor Gnarls Barkley que “interpreta” o hit “Crazy” deveria na verdade pesquisar por Cee Lo Green. Vai descobrir que na verdade, Gnarls Barkley é o nome da banda formada por ele e o DJ e produtor Danger Mouse. Reuniram todo que gostavam no primeiro álbum St. Elsewere. Mas uma faixa, “Crazy”, destoava do resto. Era potencialmente comercial. “Crazy” tornou-se num êxito em toda a Europa, Estados Unidos e Oceania. Quem gostou mais foram os Ingleses que a elegeram número um por semanas. Uma das razões para tanto, talvez esteja na sua letra: “Talvez eu seja um louco. Talvez você seja uma louca. Talvez sejamos loucos. Provavelmente…

Assista agora


Credence Clearwater Revival - Fortune Son - Protesto contra Guerra

Credence Clearwater Revival – Fortune Son

99º

CREEDENCE CLEARWATER REVIVAL

Fortunate Son

O ano era 1955. As nações mais poderosas do mundo travavam mais um jogo de guerra. O tabuleiro político da vez era Vietnã. Os Vietcongues, uma organização comunista, lutavam contra o governo do Sul e outras forças anticomunistas. Do outro lado do mundo, braços se erguiam contra as atrocidades cometidas no conflito. O movimento Hippie apoiado principalmente por artistas como o Creedence Clearwater Revival. A música de protesto da banda “fortune Son”, foi um dos ícones. A letra critica o envolvimento americano na Guerra do Vietnã e supostos privilégios dados aos filhos da “elite”, que nunca seriam convocados. Presente nas trilhas de sonoras de dezenas de filmes como Forrest Gump, Duro de Matar 4.0, Sob o Domínio do Mal, entre outros, “fortune Son” ocupa a posição 99º das melhores músicas de todos os tempos.

Assista agora


U2 - Um salmo. Um poema à Deus.

U2 – I Still Haven’t Found What I’m Looking For

96º

U2

I Still Haven’t Found What I’m Looking For

O segundo single do álbum “The Joshua Tree” do U2 é um hino Gospel, embora a linha da banda não seja esta. A letra fala de andarilho a procura de alguém. Como o próprio Bono confessa, é um Salmo, um poema dirigido à Deus, baseado na esperança e fé. Fé na vinda do Reino de Deus prometido por Jesus e da paz do paraíso. É o que diz o refrão:

I believe in the Kingdom Come [Eu acredito na vinda do Reino]
Then all the colours will bleed into one [Então todas as cores irão sangrar em apenas uma]
Bleed into one. [Sangrar em apenas uma]
But yes, I’m still running. [Sim, eu ainda estou correndo]
You broke the bonds [Você quebrou as ligações]
And you loosed the chains [Você afrouxou as correntes]
Carried the cross of my shame [Você carregou a cruz e a minha vergonha]
Oh my shame, you know I believe it. [Você sabe que eu acredito nisso]

Assista agora


Elvis Presley - Suspicious Mind

Elvis Presley – Suspicious Minds

91º

ELVIS PRESLEY

Suspicious Minds

Elvis Presley não morreu! Pelos menos é isto que acreditam fãs ferrenhos, tamanho o fascínio despertado por aquele conhecido como “Rei do Rock”. A canção “Suspicious Minds” foi uma das melhores músicas interpretadas por Elvis. O Hit foi tão importante que é considerado um divisor de águas na carreira do cantor, embora tenha uma letra inferior a outras canções. A última versão ao vivo interpretada por Elvis da canção se deu no dia 19 de agosto de 1975 em Las Vegas.

Assista agora


Elvis Presley - Suspicious Mind

The Police – Every Breath You Take

84º

THE POLICE

Every Breath You Take

Uma música romântica. É o que todos imaginam quando se ouve a doce canção do The Police. Na verdade é uma canção sinistra, perversa, disfarçada em um contexto romântico; confessa Sting em uma entrevista. A inspiração veio quando Sting era casado com a atriz Francesa Tomelty, com a qual teve dois filhos. Os flertes da canção foram para a vizinha, Trudie Styler, com a qual simplesmente trocou de esposa. Esta é a verdade de “Every Breath You Take”.

Assista agora



Marvin Gaye - I Heard It Through the Grapevine

Marvin Gaye – I Heard It Through the Grapevine

81º

MARVIN GAYE

I Heard It Through the Grapevine

“I Heard It Through the Grapevine” é um belo exemplo como a interpretação de um cantor pode mudar totalmente como sentimos uma canção. A versão de Marvin Gaye, que tornou a canção famosa, desacelerando a primeira gravação da música realizada por Gladys Knight & the Pips. Com uma nova cadência agradou a gregos e troianos, merecendo ser listada entre as melhores músicas de todos os tempos da revista Rolling Stone.

Assista agora


Beatles - Strawberry Fields Forever

Beatles – Strawberry Fields Forever

76º

THE BEATLES

Strawberry Fields Forever

Considerada pelos críticos um clássico, recentemente através de enquete da revista britânica NME foi escolhida como a melhor música dos Beatles, uma das melhores canções da parceria Lennon-McCartney. Desde seu lançamento em 1967, ao lado de Penny Lane, sempre foi alvo de elogios. Entre eles; “a mais recente amostra da espantosa inventividade dos Beatles” (The Times). Quando John Lennon escreveu a canção, os Beatles tinham acabado de deixar os palcos. Eventos que iriam culminar com a separação da banda estavam se evidenciando. Talvez por isso, se arriscaram em experimentações que resultaram em novos sons e definições: Rock Psicodélico.


Assista agora

Stevie Wonder - Superstition

Stevie Wonder – Superstition

75º

STEVIE WONDER

Superstition

Você é supersticioso? Passar por debaixo de uma escada. Quebrar um espelho dá sete anos de azar. Cantar um funk em um ritmo contagiante é sinônimo de sucesso. Pelo menos é o que aconteceu com a canção lançada em 1972 por Stevie Wonder. “Superstition” fala de crendices populares sobre sorte e azar. Ele completa; “Quando você acredita em coisas que não entende então você sofre de superstição”. Isto acaba por vezes atrapalhando. Por isso, Stevie Wonder decreta no final: “Superstição não é o caminho. Não. Não. Não”.


Assista agora

Bob Marley – Redemption Song

Bob Marley – Redemption Song

66º

BOB MARLEY

Redemption Song

Redenção é o ato ou efeito de redimir ou remir, que significa libertação, reabilitação, reparo, salvação. É o ato de adquirir de novo, de resgatar, de tirar do poder alheio, do cativeiro. Isto também é sinônimo da canção “Redemption Song”, derivada do discurso do ativista jamaicano Marcus Garvey. Ele é o idealista do movimento de “volta para a África”, que pregava a “redenção” do continente negro. É o que acreditava também Marley, que interpretou a canção em tom melancólico da morte. Em 1979, ele já sabia que estava com câncer. Dizem que quando um cisne pressente a proximidade de sua morte ele emite um lindo e melodioso canto.


Assista agora

Michael Jackson - Billie Jean

Michael Jackson – Billie Jean

58º

MICHAEL JACKSON

Billie Jean

Um clássico contemporâneo. Esta é a melhor definição para “Billie Jean”. A canção foi uma das responsáveis por tornar o álbum Thriller o mais vendido de todos os tempos, quebrando recordes, ganhando prêmios e derrubando tabus. O clipe da música foi o primeiro de um artista negro exibido pela MTV. A letra é inspirada em experiências de Michael e seus irmãos Jaksons a respeito de fãs que os assediavam enlouquecidas. Uma delas, afirmava com todas as letras (em cartas) que Michael era pai de seu bebê. Nunca existiu de verdade uma Billie Jean, embora Michael fosse se tornar um obcecado por crianças e tido filhos de forma tão polemica, quanto a canção. Billie Jean é uma amostra clara de toda a genialidade do cantor, que compôs cada nota dos instrumentos e cantou todas as vozes da música. Uma explosão de talento suficiente para encobrir outro gênio; Quincy Jones.


Assista agora

<<
Bob Dylan - Lik a Rolling Stones

Destaque: Bob Dylan

15

DESTAQUES DAS MELHORES MÚSICAS DE TODOS OS TEMPOS

DE 50 A 1

Gostou da nossa seleção. Embora não seja unanimidade, a lista das 500 melhores músicas de todos os tempos da revista Rolling Stone é uma boa referência. É claro que nos últimos tempos surgiram músicas e músicos espetaculares. Mas não há dúvidas: todas as músicas escolhidas são maravilhosas. Então que tal curtir mais quinze destaques entre a 50ª e a 1ª posição. Lá tem mais Beatles, Rolling Stones e a campeoníssima Bob Dylan – Like a Rolling Stones.

>>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *